Autores:

Otília Barreto; Adriana Henriques   ON 2017, 33 ; julho 2016; On-line publication: julho 2016

Resumo: a situação de doença oncológica constitui um acontecimento causador de uma elevada carga emotiva. Tanto a pessoa com doença oncológica como também os membros da família estão sujeitos a um grande stress emocional. Muitos doentes e suas famílias procuram nos enfermeiros conforto, apoio e informação acerca da evolução do seu familiar. A partir da primeira revisão sistemática de literatura que realizamos sobre o contributo dos grupos de apoio para a pessoa adulta com doença oncológica e sua família, sentimos a necessidade de identificar as intervenções psicoeducativas existentes no âmbito do apoio à pessoa/família com doença oncológica.

Tem como objetivo conhecer a evidência científica sobre as intervenções psicoeducativas destinadas à pessoa adulta com doença oncológica e sua família, de modo a construir um programa de intervenção psicoeducativo. A partir da questão Pi[c]O, foram definidos alguns conceitos ou palavras-chave e realizada uma pesquisa de artigos científicos em bases de dados eletrónica.
Esta pesquisa foi efetuada nos meses de outubro a dezembro de 2014. Desta pesquisa foram seleccionados quatro artigos que preenchiam os critérios previamente definidos.

Os resultados permitem conhecer a efetividade dos programas de intervenção psicoeducativos e os seus componentes. As intervenções desenvolvidas são maioritariamente de aconselhamento, de te-rapia cognitivo-comportamental, de suporte emocional e de educação. Os conteúdos dos programas integram a transmissão de informação acerca da doença, a gestão das emoções, a gestão dos sintomas e as relações familiares. Estes resultados vão servir de base ao desenvolvimento de um programa de intervenção psicoeducativo em oncologia no âmbito da tese de doutoramento em enfermagem – Cuidar da Pessoa Adulta com doença oncológica e a sua família: Avaliação de um programa psicoeducativo.

Como conclusões, os programas identificados e os seus componentes parecem ser pertinentes, já que encontramos ganhos em saúde nas pessoas que deles participaram.

 

Palavras-chave: Programa Psicoeducativo; intervenções de enfermagem; enfermagem oncológica.

 

Verifique o abstract completo aqui.

 

Obtenha este artigo

Para obter este artigo terá que ser membro AEOP. Se já é membro AEOP efetue aqui o seu login. Se ainda não é membro AEOP registe-se aqui.
Em alternativa, pode adquirir este artigo pelo preço de 5EUR utilizando para isso o nosso formulário de contacto.